5 Dicas para vender o seu imóvel

Com toda essa crise o seu imóvel não recebe visitas há semanas e você até já esqueceu com quem está trabalhando, e se ainda dá para continuar com os planos de mudar para uma casa nova.
Você não é o único nessa situação. Com o mercado imobiliário em baixa muitos proprietários estão achando que não conseguirão mudar tão rápidamente como desejavam e também não conseguirão vender seus imóveis pelo valor que realmente valem. Se você se encontra nessa situação, é hora de reavaliar o planejamento que fez para vender o seu imóvel e mudar de estratégia. Mas, antes de você mudar de idéia e suspender a venda, tente essas dicas valiosas, porque mesmo com essa crise que anda assustando todo mundo afora, elas realmente dão ótimos resultados.
Aí vão as 5 dicas para você vender e vender!
  1. Organize e use Home Staging. Muitos proprietários acham que compradores não dão importância a bagunça, porque não estão comprando a bagunça e sim o imóvel. Mas você sabia que é muito mais difícil para o comprador ver além dessa barreira e admirar o porcelanato, quando o que prende a visão são os pertences colecionáveis? Para o comprador enxergar o que ele vai comprar, é necessário que ele tenha uma visão limpa do ambiente. Esse tipo de coisa pode até fazer com que o comprador ache que falta lugar para guardar coisas, um ponto terrívelmente negativo. Se você está pensando por onde começar, acredite, home staging pode ser a sua resposta. Imóveis com home staging vendem típicamente mais rápido e por um valor mais elevado do que imóveis vazios e imóveis como estão. A idéia básica é mais ou menos deixar  o visual como o de um hotel, porque agrada à todos. Em outras palavras, use cores neutras, elimine fotos, destravanque ambientes, melhor dizendo, use o mínimo possível de móveis e sempre, sempre deixe as superfícies limpas.
  2. Comprometa-se. Vender um imóvel como a sua própria casa é algo muito grande e valioso, então, seja flexível. Não limite as visitas a certas horas do dia e da semana. Permita que seu corretor possa entrar com clientes quando necessitar. Uma dica valiosa é, a única hora do dia que não é aconselhável visitas é na hora das refeições. Outra dica, tente deixar o seu corretor a vontade para mostrar a sua casa para seus clientes, e deixe que ele faça o discurso. Certos compradores são mais reservados e preferem não interagir com os donos do imóvel. Sem perceber você pode estar afastando o comprador certo para a sua casa, e diminuindo a chance de vender. Outra coisa importante, é não deixar que pequenas coisas atrapalhem a negociação, como por exemplo uma pintura desgastada, um piso manchado, um lustre quebrado...se você está realmente querendo vender, não deixe de reparar esses detalhes importantes para quem está comprando.
  3. Repare os mínimos detalhes. Você pode até achar que eles passam despercebidos, engano seu. Podem até passar na primeira visita, mas se ele realmente tiver interesse em comprar a sua casa, com certeza, ele vai olhar todos os detalhes, e então pedir uma redução de preço devido a essas falhas. Tente tirar umas semanas antes de colocá-lo à venda para reparar essas coisinhas, será melhor investir uma pequena quantia de dinheiro do que perder uma grande venda por detalhes insignificantes para você, mas não para o comprador.
  4. Marketing. Para vender o seu, ou qualquer imóvel atualmente, um bom maketing é necessário. Se você esté percebendo que o seu imóvel não está visível ou se a sua imagem não está bem feita, é melhor rever e refazer para ter a chance de ter mais visibilidade e alcançar um tráfego de potenciais compradores maior. Geralmente isso quer dizer colocar fotos melhores na internet.  Compradores nos dias de hoje querem ter uma boa idéia do que o imóvel se parece antes mesmo de visitá-lo, e com fotos embaçadas eou tiradas com celular e desorganização, você não está mostrando a sua casa como ela realmente é, e muito menos valorizando a imagem do seu imóvel. Certifique-se de que as fotos estão bem iluminadas, sua casa está organizada e impecável!
  5. Repense no preço. O que mata mais rápido uma venda é o preço irreal de um imóvel. Muitos proprietários cometem o erro de super valorizar o seu imóvel, por motivo de apego, o que é muito natural. Mas tente ser mais objetivo e não deixe esse sentimento interferir na venda do seu imóvel. Escute o seu corretor, pesquise os imóveis na sua vizinhança e compare os preços, para você colocar o preço certo logo de cara, e vender bem o seu imóvel mesmo em tempo de crise. Não esqueca o seu imóvel é um produto, e um produto tem que ser muito bem apresentável para vender pelo o que ele realmente vale.
Até outro post!

Susana Damy
Stage Designer

Postagens mais visitadas